Como empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio, passo a passo

Existem muitas opções para empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio. Existem as opções tradicionais e as digitais.

Criar seu próprio negócio com um baixo custo inicial representa menos risco. Mesmo assim, para iniciar mais rápido e quase a custo zero, a melhor opção é através de negócios digitais.

No entanto, independente do tipo de negócio, tradicional ou online, é preciso seguir um passo a passo. 

Se você ainda não tem nenhuma ideia de negócio, este artigo traz algumas opções digitais e tradicionais.

Além disso, você pode montar seu negócio próprio pensando em formas de resolver os problemas que as pessoas mais enfrentam. Veja a seguir mais sobre isso:

Você pode gostar de ler também:

> O que é ticket médio, como calcular e dicas para aumentar o seu

> Simples Nacional 2021: alíquotas, tabelas, quem pode aderir e vantagens

> Franquia de oficina mecânica: como escolher e abrir a sua, passo a passo

Passo a passo para montar seu negócio próprio

Se empreender com pouco dinheiro é o seu sonho ou você deseja mudar de carreira, saiba que o primeiro passo é o planejamento.

Você precisa definir o tipo de negócio, se online ou tradicional, e o nicho ou mercado que vai adotar.

Os negócios digitais têm a vantagem de poder começar apenas com um computador e internet, além do plano de negócios.

Passo a passo para empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio:

Estudar sobre empreendedorismo e mercado

Conhecer sobre empreendedorismo e mercado é fundamental para montar seu negócio próprio. E para encontrar informações sobre eles basta fazer uma busca na internet.

Você precisa apenas de um pouco de curiosidade, paciência e tempo para pesquisar e organizar os conteúdos para estudar.

Além disso, também existem cursos de empreendedorismo gratuitos promovidos por instituições renomadas como Sebrae, FGV, SENAI e Endeavor.

A grande vantagem dos cursos é que os conteúdos já estão organizados, portanto, você economiza tempo de pesquisa e agiliza a abertura do seu negócio.

Montar um bom plano de negócios:

O plano de negócios talvez seja a etapa mais importante na hora de empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio. No entanto, é o passo mais negligenciado.

E a consequência desse desleixo é que grande parte dos negócios quebram e por isso, não chegam a completar cinco anos.

É através do plano de negócios que você vai saber se o seu negócio é viável ou não. Ao montá-lo, você vai conhecer o setor em que pretende atuar, bem como seus clientes, concorrentes e fornecedores.

Ou seja, com um plano de negócios prontos você vai saber quais são os pontos fracos e fortes de seu negócio.

Além disso, com ele é possível organizar o seu planejamento financeiro e a estrutura estratégica da empresa.

O plano de negócios reúne dados sobre a área  de   atuação, a concorrência, os custos, as perspectivas de faturamento, margens e diversos outros detalhes.

Formalizar a empresa:

Com o tipo de negócio definido e o plano pronto é hora de formalizar a sua empresa.

Se tiver dúvidas sobre qual o regime você se encaixa, procure orientação com um advogado, contador ou diretamente no Sebrae.

Estudar sobre marketing digital:

Começar um negócio online é relativamente fácil. Por isso, é preciso disputar a atenção com os outros empreendedores.

É aí que entra o marketing digital. Através dessas técnicas você  vai conseguir se destacar em meio a tantos negócios.

Tem muito conteúdo sobre o assunto disponível na internet que pode te servir de apoio. Aproveite!

Acompanhar os resultados:

É importante acompanhar os resultados. Eles vão apontar o que pode e deve ser melhorado. Essa é uma das formas de garantir a preservação do seu negócio.

Portanto, analise os seus resultados periodicamente e ajuste a rota de seus negócios.

Opções para empreender com pouco dinheiro

Só há poucos anos começou a ter uma grande procura por empreender. Antes disso, as pessoas buscavam sempre por trabalhos em regime CLT.

Também é possível empreender como CLT. No entanto, é mais difícil. Além disso, há pessoas que estão em um emprego, mas buscam empreender para ter uma renda extra.

Com a internet, as opções para empreender se diversificaram bastante. Mas muitas pessoas ainda empreendem do modo tradicional.

Por isso, veja algumas opções para empreender:

Loja virtual (e-commerce):

Pouco a pouco o brasileiro vai aprendendo a comprar em lojas virtuais. Isso se intensificou nos últimos meses. 

Diante disso, uma pesquisa da Ebit | Nielsen, apontou crescimento de 47% do e-commerce no primeiro semestre de 2020. E a previsão é de crescimento para esse tipo de negócio. Portanto, a tendência de sucesso do negócio é alta.

Além disso, você pode começar o negócio trabalhando em casa e sozinho. Se a loja fizer sucesso o potencial de ganho é alto. 

Desta forma, por ser um negócio totalmente virtual. Onde a possibilidade de ganhar escala e crescer  é alta. 

E não é necessário ter funcionários ou estrutura maior, para aumentar a receita. Como ela está sempre aberta, você não pára de vender.

Outro ponto é que, você pode optar pelo dropshipping. Neste modelo de negócios você faz apenas a ligação entre o fornecedor e o cliente final. Assim, não tem que se preocupar com estoque.

Os custos iniciais dependem da sua estratégia. No entanto, é fundamental que você tenha um site e um domínio para criar a sua loja virtual.

Mercado de afiliados:

Trabalhar como afiliado significa promover produtos ou serviços de outras pessoas e receber uma comissão por esse trabalho.

Utilizando plataformas digitais, eles divulgam os produtos dos produtores/criadores. Desta forma, contribuem para aumentar o faturamento dos produtores e por isso são recompensados com a comissão. 

O custo para iniciar como afiliado é zero. Então, você precisa apenas se cadastrar em uma plataforma de afiliados, como Hotmart, Monetizze, Lomadee, entre outras. 

Em seguida, procurar produtos que tenham afiliação e se candidatar. Alguns processos são liberados imediatamente. Em outros é preciso aguardar a aprovação.

Depois de aprovado, você deve criar uma estratégia de divulgação. Você pode divulgar os produtos em um blog, uma newsletter e nas redes sociais, por exemplo.

Criação de conteúdo:

Um relatório da Hootsuite em parceria com a agência We Are Social de 6 em cada 10 pessoas que acessam a internet.

Isso significa que essas pessoas estão em busca de conteúdo. Por isso, a demanda por profissionais que produzem conteúdo aumenta exponencialmente.

Para começar a empreender como criador de conteúdo você precisa de um computador e internet. Também há pessoas que trabalham apenas pelo celular. 

Além disso, você precisa de algum conhecimento sobre marketing digital.

Modelo de assinatura:

Através do modelo de assinatura você recebe pagamentos de forma recorrente por um determinado produto ou serviço.

Neste caso, você precisa criar o produto e disponibilizá-lo para venda, como um curso, por exemplo.

Existem muitas outras opções de montar um negócio próprio através da internet. Mas ainda há muitas pessoas que preferem empreender no modelo tradicional.

É um modelo que dá mais segurança financeira devido à recorrência. No entanto, exige um pouco mais de esforço inicial.

Por isso, conheça algumas opções para empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio.

Revenda de produtos:

Quem nunca comprou perfume, cremes, objetos para casa, na mão de uma conhecida?

A revenda de produtos é um dos modelos mais tradicionais para empreender. Você pode revender qualquer coisa.

No entanto, suas chances de sucesso aumentam quando você trabalha com um produto que você conhece e gosta.

Além disso, é bom aprender algumas estratégias de vendas e buscar ter um diferencial.

Reforço escolar:

Se você domina alguns assuntos e tem paciência para lidar com crianças, o reforço é uma boa opção.

Você pode começar em casa mesmo. E depois, se precisar, pode buscar um outro local exclusivo para dar as aulas.

Além disso, do reforço presencial, muitas mães têm procurado pelo online. Ou seja, mais uma oportunidade de empreender sem ter nenhum gasto inicial.

Trabalhos com PETS:

Trabalhos com PETs estão super na moda. Você pode começar oferecendo serviços de passeio com cães, por exemplo.

Depois, pode fazer cursos para aprender a dar banho e tosa ou adestrar cães e aumentar seu leque de serviços.

Consultorias:

As consultorias são um modelo de negócio tradicional que também pode ser feito no modelo digital.

Trata-se de usar o conhecimento que tem para ajudar empresas ou outros empreendedores a melhorarem seus negócios.

Para isso, você aconselha e assessora até que o cliente alcance o resultado combinado na contratação do serviço.

Se alguma dessas opções para empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio não te motivou. Então, saiba que existem muitas outras.

Uma dica é pensar em problemas. Quais os problemas as pessoas têm? Do que elas reclamam? 

Em seguida, pense em como você poderia ajudá-las a resolvê-los e transformar isso em um negócio.

No entanto, não negligencie o passo a passo para montar um negócio. Caso contrário, as chances de sobrevivência de seu negócio serão mínimas.

Além disso, busque sempre se aperfeiçoar através da leitura de livros, fazendo cursos e conversando com outros empreendedores. Agora que você sabe como empreender com pouco dinheiro e montar um negócio próprio, siga o nosso passo a passo e as nossas dicas e tire o seu sonho do papel.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.